José Fonte quer ganhar a Taça das Confederações

| Seleção Nacional

José Fonte denota determinação na conquista da Taça das Confederações
|

José Fonte aponta à vitória na Taça das Confederações.

Portugal vai disputar este ano, pela primeira vez, a Taça das Confederações de futebol e o internacional português José Fonte assegurou aos jornalistas que a seleção vai entrar nesta competição para ganhar.

Em declarações prestadas à margem da Gala "Quinas de Ouro", organizada pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) no Centro de Congressos do Estoril, o defesa do West Ham lembrou, porém, que antes da prova que irá decorrer na Rússia, em junho, existem mais jogos de qualificação para o Mundial de futebol.

Defesa determinado na conquista do troféu

"Vai ser uma oportunidade única para alcançar mais um título inédito e é nisso que estamos concentrados. Primeiro temos alguns jogos de qualificação que queremos ganhar, mas depois, quando lá chegarmos, é para ganhar. Essa competição é para ganhar", afirmou o central português.

Galardoado na cerimónia com o Prémio Prestígio enquanto membro dos 23 campeões europeus no último Euro2016, José Fonte assumiu a "honra tremenda" e o "orgulho" de poder dar o prémio aos portugueses: "Vamos todos ficar na história do país".

Mundial2018 é objetivo obrigatório


Já sobre as expetativas para o Mundial 2018, o central recusou fixar já quaisquer objetivos, apesar do estatuto de campeões europeus alcançado no último verão, em França.

"Primeiro, a qualificação para chegar ao Mundial. Depois, o 'mister' logo dará a meta. Somos campeões europeus e é normal termos mais atenção, mas o objetivo é sempre ganhar", frisou.

Futuro está assegurado


A renovação da seleção portuguesa mereceu também um elogio do experiente defesa, que vincou a garantia de qualidade para o futuro da equipa: "Os jovens são o nosso futuro, todos devíamos estar contentes e excitados por termos tantos jovens a aparecer. Temos as próximas gerações resolvidas, por isso é ajudá-los a crescer e desenvolver o seu talento."

Duelo internos erá renhido entre "águias" e "dragões"


Por fim, o internacional luso pronunciou-se sobre a luta pelo título na I Liga, antecipando um duelo "renhido" entre Benfica e FC Porto, que estão separados por um ponto no topo da classificação.

"O Benfica e o FC Porto vão lutar até ao final e vai ser renhido. O Sporting, infelizmente, não conseguiu acompanhar", rematou.


A informação mais vista

+ Em Foco

Foram mais de três horas de debate a cinco mas sem grandes novidades. Le Pen defendeu o fim da imigração. Macron foi atacado pelas ligações à banca.

Onde reside "o verdadeiro problema estrutural" da UE? O comentador da RTP Filipe Vasconcelos Romão situa-o na "incapacidade" do projeto europeu para estabeler laços com os cidadãos.

Estarão os nossos equipamentos comprometidos? O especialista em cibersegurança Pedro Queirós alerta para um problema "assustador".

    Em São Bento, uma fotografia denuncia a localização da Fundação Mário Soares, uma instituição de utilidade pública, cujo futuro está ainda a ser pensado.