"Operação Hungria" começa sem Anthony Lopes

| Seleção Nacional

Anthony Lopes falha o primeiro treino da equipa nacional esta terça feira
|

A seleção inicia a preparação do jogo com a Hungria sem Anthony Lopes.

A seleção portuguesa de futebol começa esta terça feira a preparar o embate com a Hungria, de qualificação para o Mundial2018, numa sessão de treino em que Anthony Lopes é baixa certa e Pepe estará em dúvida.

O defesa central, que está de regresso às opções de Fernando Santos depois de ter cumprido castigo, falhou os últimos jogos do Real Madrid devido a problemas físicos, incluindo o encontro com o Athletic Bilbau (2-1) no fim de semana passado, e poderá não estar em condições de participar no apronto.

Certa será a ausência do guarda-redes Anthony Lopes, jogador do Lyon, que se apresentou na seleção com algumas dores e vai ser reavaliado.

Pepe, Cedric Soares, João Moutinho e Eliseu estão igualmente de volta aos trabalhos da seleção nacional, que também vai defrontar a Suécia, mas em jogo particular.

O treino está agendado para a Cidade do Futebol, em Oeiras. Antes, um dos 25 jogadores convocados pelo selecionador nacional falará aos jornalistas em conferência de imprensa.

O jogo com a Hungria, do Grupo B de qualificação para o Mundial2018, está marcado para 25 de março, no Estádio da Luz, às 19h45, enquanto o particular com a Suécia disputa-se a 28, à mesma hora, no Estádio do Marítimo, no Funchal.

A informação mais vista

+ Em Foco

Impostos, orçamentos, metas para o próximo ano. A RTP descodifica a proposta de Orçamento do Estado apresentada pelo ministro das Finanças esta sexta-feira.

    Mário Centeno também deixou no ar a ideia de que, na discussão da especialidade do OE2018, seja posto um ponto final nos cortes do subsídio de desemprego.

    João Guerreiro, presidente da comissão que elaborou o relatório sobre Pedrógão Grande, enumera responsabilidades "momentâneas" e "estruturais".

    Os governos espanhol e catalão além de estarem de costas voltadas entrincheiraram-se em narrativas de auto-justificação absolutamente incompatíveis entre si.