Portugal 4 - 0 Arménia, Europeu sub-19

| Seleção Nacional

Seleção portuguesa de sub-19 venceu a Itália e empatou com a Espanha
|

A seleção portuguesa de futebol de sub-19 qualificou-se sábado para as meias-finais do Campeonato da Europa da categoria, no qual defende o título, com um triunfo por 4-0 sobre a anfitriã Arménia, em Erevan.

Vítor Ferreira, aos 34 minutos, na conversão de uma grande penalidade, João Mário, aos 49, e Tiago Gouveia, aos 67 e 88, foram os marcadores dos golos da 'equipa das quinas', que terminou no primeiro lugar o grupo A, com os mesmos sete pontos da Espanha, que também segue para as meias-finais.

Portugal dominou o jogo praticamente desde o seu início, encostou a Arménia à sua área defensiva, e cedo criou sucessivas ocasiões para marcar, por Tiago Rodrigues, aos 08 minutos, Vitor Ferreira, aos 10, e Félix Correia, aos 17.

Remetido à condição de mero espectador, o guarda-redes português Celton Biai foi chamado a jogo aos 21 minutos para defender um remate de Grenik Petrsoyan, mas Portugal respondeu nos minutos seguintes com novas situações de perigo.

Fábio Vieira, aos 27 minutos, testou a atenção do guarda-redes Harutyun Melkonyan, que se opôs com segurança, tendo o mesmo jogador, aos 28, e Félix Correia, aos 29, procurado uma vez mais o golo, mas sem sucesso.

Portugal chegou à vantagem na conversão de uma grande penalidade por Vitor Ferreira (1-0), aos 34 minutos, a punir derrube de Narek Alaverdyan a Fábio Vieira, e a Arménia dispôs de uma oportunidade para empatar por Rafik Misakyan, aos 36.

O guarda-redes Harutyun Melkonyan negou o golo a Tiago Rodrigues, aos 39 minutos, com uma grande defesa, mas foi incapaz de evitar que a seleção lusa aumentasse a vantagem para 2-0 por João Mário, aos 50, após um bom trabalho na área.

Do banco da seleção portuguesa saiu o ‘aríete’ Tiago Gouveia para mais dois golos, aos 67 minutos, a corresponder de cabeça a um centro de João Mário, e aos 88 com um pontapé de longe, após um bom trabalho individual.

Portugal, que defende na Arménia o título conquistado há um ano, apurou-se para as meias-finais na primeira posição do grupo A, fugindo assim à França, e o seu adversário será conhecido no domingo, entre os candidatos Noruega, República da Irlanda e República Checa.

Jogo no estádio Republicano, em Erevan, na Arménia.

Portugal – Arménia, 4-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Vitor Ferreira, 34 minutos (grande penalidade).

2-0, João Mário, 50.

3-0, Tiago Gouveia, 67.

4-0, Tiago Gouveia, 88.

Equipas:

- Portugal: Celton Biai (Francisco Meixedo, 85), Costinha, Gonçalo Loureiro (Levi Faustino, 85), Gonçalo Cardoso, Tomás Tavares (Tiago Lopes, 69), Diogo Capitão, Vítor Ferreira, Fábio Vieira (Tiago Gouveia, 63), Félix Correia (Rodrigo Fernandes, 63), João Mário e Tiago Rodrigues.

Treinador: Filipe Ramos.

- Arménia: Harutyun Melkonyan, Ioury Oganessian (Volodya Samsonyan, 62), Erjanik Ghubasaryan, Arsen Yeghiazaryan, Feliks Khachatryan, Aram Khamoyan, Sergey Mkrtchyan, Narek Alaverdyan (Narek Grigoryan, 62), Grenik Petrsoyan (Gazar Dermedjan, 71), Rafik Misakyan (Erik Azizyan, 58) e German Kurbashyan (Aram Kolozyan, 62).

Treinador: Artur Voskanyan.

Árbitro: Nikola Dabanovic (Montenegro).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Narek Alaverdyan (33).

Assistência: cerca de 4.000 espetadores.

A informação mais vista

+ Em Foco

Meio século depois, o Parlamento soviético dos finais da Guerra Fria repudiou o Pacto. Decorridos mais 30 anos, Putin quer reabilitá-lo.

    A receita da venda desta madeira ultrapassará os 15 milhões de euros, que devem ser investidos na nova Mata do Rei.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.