Volta a Portugal: Jóni Brandão mantém amarela em igualdade com João Rodrigues

por Antena 1

Jóni Brandão (Efapel) manteve hoje a liderança da Volta a Portugal em bicicleta, em igualdade com João Rodrigues (W52-FC Porto), após o triunfo de António Carvalho (W52-FC Porto) na nona e penúltima etapa, no alto da Senhora da Graça.

No final dos 133,5 quilómetros, entre Fafe e a Senhora da Graça (Mondim de Basto), António Carvalho venceu em 3:49.12 horas, menos um segundo do que João Rodrigues e menos dois do que Joni Brandão.

Na geral, Jóni Brandão tem agora o mesmo tempo de João Rodrigues e mais 40 segundos do que o espanhol Gustavo Veloso, terceiro classificado.

A 81.ª edição da Volta a Portugal termina no domingo, com um contrarrelógio individual de 19,5 quilómetros, entre Vila Nova de Gaia e o Porto.


Volta a Portugal: Vencedores na Senhora da Graça


Lista dos vencedores de etapas da Volta a Portugal em bicicleta com meta instalada no Santuário da Senhora da Graça, topo do Monte Farinha, em Mondim de Basto, após a nona etapa da 81.ª edição, disputada hoje:

- Vencedores das 41 chegadas ao alto da Senhora da Graça:

2019 - António Carvalho, Por (W52-FC Porto)

2018 - Raúl Alarcón, Esp (W52-FC Porto)

2017 - Raúl Alarcón, Esp (W52-FC Porto)

2016 - Gustavo Veloso, Esp (W52-FC Porto)

2015 – Filipe Cardoso, Por (Efapel)

2014 – Edgar Pinto, Por (LA-Antarte).

2013 - Sergio Pardilla, Esp (MTN-Qhubeka).

2012 – Rui Sousa, Por (Efapel-Glassdrive).

2011 – Hernâni Broco, Por (LA-Antarte).

2010 – David Blanco, Esp (Palmeiras Resort-Prio).

2009 – André Cardoso, Por (Palmeiras Resort-Prio) **.

2008 – Juan Jose Cobo, Esp (Scott-American Beef).

2007 - Eladio Jimenez, Esp (Karpin-Galicia).

2006 - João Cabreira (Maia-Milaneza).

2005 - Adolfo Garcia Quesada, Esp (Comunitat Valenciana).

2004 - David Arroyo, Esp (LA-Pecol).

2003 - Pedro Arreitunandia, Esp (Carvalhelhos-Boavista).

2002 - Joan Horrach, Esp (Milaneza-MSS).

2001 - Jose Luis Rebollo, Esp (Festina).

2000 - Claus Moller, Din (Maia-MSS).

1999 - Michele Laddomada, Ita (LA-Pecol).

1998 - Jose Luis Rebollo, Esp (Recer-Boavista).

1997 - Zenon Jaskula, Pol (Mapei).

1996 - Massimiliano Lelli, Ita (Saeco-Levira).

1995 - António Correia (Janotas & Simões).

1994 - Felice Puttini, Sui (Brescialat).

1993 - Quintino Rodrigues (Imporbor-Feirense).

1992 - Cássio Freitas, Bra (Recer-Boavista) *.

1991 - Jorge Silva (Sicasal-Acral).

1990 - Joaquim Gomes (Sicasal-Acral).

1989 - Santiago Portillo, Esp (Lótus-Zahor).

1988 - Carlos Moreira (Boavista-Sarcol).

1987 - Manuel Vilar (Boavista-Sportlis).

1986 - Carlos Moreira (Sangalhos-Recer).

1985 - Marco Chagas (Sporting-Raposeira).

1984 - Manuel Cunha (Ovarense-Herculano).

1983 - Venceslau Fernandes (Rodovil-Ajacto).

1981 - Benjamim Carvalho (Coimbrões-Fagor).

1980 – neutralizada.

1979 - Marco Chagas (Lousa-Trinaranjus).

1978 - João Costa (Campinense).

* Quintino Rodrigues (Philips-Feirense) foi o primeiro a cortar a meta, mas, posteriormente, veio a ser desclassificado por doping.

** João Cabreira (CC Loulé-Louletano) foi o primeiro e Nuno Ribeiro (Liberty Seguros) o segundo, mas os seus resultados foram anulados por doping.