Ouvir
Consultório Jurídico - Semanal
Em Direto
Consultório Jurídico - Semanal Nuno Sardinha com o jurista Adriano Malalane

PT - António Félix da Costa anuncia fim da ligação à Fórmula 1

PT - António Félix da Costa anuncia fim da ligação à Fórmula 1

O piloto português António Félix da Costa terminou a sua ligação à Fórmula 1 após rescindir com a equipa Infiniti Red Bull Racing, a que estava ligado há quatro temporadas como piloto de testes e reserva.

"A decisão do piloto luso prende-se com o facto das suas tarefas como piloto de testes e reserva lhe ocuparem bastante tempo, com Félix da Costa a preferir nesta fase da sua carreira focar-se a 100% no DTM, onde é piloto oficial da BMW e também na FIA Fórmula E, onde representa a Team Aguri", pode ler-se em comunicado.

Félix da Costa, que se mantém ligado à Red Bull como atleta da marca na Fórmula E e no DTM, classificou a decisão de hoje como "um final feliz".

"Foram quatro temporadas muito boas, trabalhei com pessoas espetaculares e cresci muito enquanto piloto. Dei sempre o meu melhor de forma a ajudar a equipa, tanto nas corridas em que fui piloto de reserva como nas muitas horas que passei no simulador em Milton Keynes a desenvolver o carro e ajudar toda a equipa. Chegou a hora de seguir o meu caminho e focar-me no DTM e na Fórmula E. Agradeço a confiança depositada, é com carinho que me despeço desta equipa e desejo a maior sorte à Infiniti Red Bull Racing no futuro", afirmou, citado em comunicado.

Na semana passada, António Félix da Costa anunciou que irá continuar a competir no Campeonato Alemão de Carros de Turismo (DTM), ao serviço da BMW.

Na última temporada, Félix da Costa venceu a segunda corrida da quarta etapa do DTM, que se disputou em Zandvoort, na Holanda, e terminou o campeonato na 11.ª posição.

Na Fórmula E, campeonato para carros elétricos, o português foi oitavo no Mundial, numa temporada em que venceu o grande prémio da Argentina. Félix da Costa disputa a 19 de dezembro a terceira ronda da FIA Fórmula E em Punta del Este, no Uruguai.