Ouvir
Lingua de Todos
Em Direto
Lingua de Todos

Consumo de combustíveis com queda acentuada em Moçambique

Audio: director da IMOPETRO, João Macandza

Moçambique não vai importar combustível no mês de Junho devido a elevada quantidade ainda existente no país, devido à baixa procura em tempos da covid-19.

De acordo com o director da importadora moçambicana de petroleiros IMOPETRO, o consumo caiu de 200 mil para apenas 60 mil toneladas por mês, uma redução no consumo na ordem de 40 porcento.

João Macandza avança ainda assim que o preço do combustível praticado em Moçambique vai manter-se apesar da queda do preço no mercado internacional.