Ouvir
SIMULTÂNEO COM A ANTENA 1
Em Direto
SIMULTÂNEO COM A ANTENA 1

Novo Banco em discussão no parlamento cabo-verdiano

MPD e PAICV apresentaram as suas posições na sessão plenária do parlamento de Cabo Verde

Novo Banco em discussão no parlamento cabo-verdiano


A sessão plenária do parlamento cabo-verdiano de hoje arrancou com a apresentação de duas declarações políticas sobre o Novo Banco.

Na primeira, o MPD, através de Paulo Veiga, considerou que a criação da instituição bancária, agora em processo de resolução, foi uma opção política da oposição, que sustentava o anterior executivo, razão pela qual deve ser responsabilizado.

Na declaração do PAICV, José Veiga defendeu que o Novo Banco estaria em condições de dar resultados líquidos positivos já no próximo ano após os accionistas terem assumido o compromisso de viabilizar a instituição.

Em resposta, o ministro cabo-verdiano das finanças garantiu que o próprio Banco Central não confiava no plano de recuperação do Novo Banco .

Com a resolução, Olavo Correia assegura que o executivo tem em mãos um plano b. Segundo o titular das finanças, essas alternativas vão passar pela abertura de linhas de crédito.