Ouvir
Diáspora
Em Direto
Diáspora Com Luís Lucena

Principal partido da oposição em Moçambique reunido a partir de hoje

O Conselho Nacional do principal partido da oposição em Moçambique, a Resistência Nacional Moçambicana (Renamo), reúne-se a partir de hoje na Serra da Gorongosa com a realização do congresso para escolher o novo líder no horizonte.

Principal partido da oposição em Moçambique reunido a partir de hoje

A reunião do Conselho Nacional deverá durar dois dias e o órgão deverá pronunciar-se sobre a convocação do congresso que vai eleger o sucessor de Afonso Dhlakama, falecido em maio, num contexto em que há eleições gerais (para a Presidência da República e parlamento) agendadas para outubro de 2019.

"Pelos estatutos do partido, o congresso é convocado pelo Conselho Nacional, que vai definir tanto a agenda como os parâmetros do congresso", anunciou o porta-voz da Comissão Política Nacional da Renamo, Alfredo Magumisse, há duas semanas.Formalmente, referiu, ainda não há candidatos à sucessão de Afonso Dhlakama, e caberá ao Conselho Nacional a indicação das diretivas que vão nortear a realização da eleição do futuro presidente do partido.

"A Comissão Política Nacional, através das delegações políticas do partido a todos os níveis, irá emanar orientações respeitantes aos passos que estão sendo dados para a realização da magna reunião, o congresso", declarou Alfredo Magumisse.A Renamo é dirigida interinamente por Ossufo Momade, deputado e membro da Comissão Política Nacional, na sequência da morte a 03 de maio do líder histórico do partido.Afonso Dhlakama dirigiu a Renamo durante 38 anos, após suceder a André Matsangaíssa, que morreu em 1979.