Política

Carlos César quer reduzir funções no PS dos Açores

Depois de ter dito que não é candidato a deputado nas próximas eleições antecipadas nacionais, Carlos César quer agora ter menos poderes como presidente honorário dos socialistas açorianos.

Carlos César quer reduzir funções no PS dos Açores

Carlos César, antigo líder parlamentar do PS na Assembleia da República © RTP


 
O presidente honorário do PS/Açores enviou uma carta, na semana passada, ao líder regional do partido, Vasco Cordeiro.

Na missiva, o antigo presidente do governo propõe uma revisão dos estatutos do partido, que pretende ver aprovada na reunião do Secretariado Regional, que deverá acontecer ainda este mês.

Carlos César pede que o próprio Secretariado assuma como sua esta proposta que, na prática, pretende expurgar muitas das funções do Presidente Honorário do PS/Açores, com a exceção daquelas que estão genericamente previstas, como "colaborar" com o líder do PS/Açores e "empenhar a sua magistratura na defesa da unidade e coesão do partido".

De acordo com a proposta do antigo chefe do executivo açoriano, o presidente honorário do PS-Açores deixa de presidir aos trabalhos da Comissão Regional e do Congresso.

Antena 1 Açores