Sociedade

Celebrações simbólicas marcam as festas do Espírito Santo deste ano (Vídeo)

No Pico, não haverá o tradicional cortejo e distribuição de rosquilhas que este ano foram confecionadas apenas para os irmãos do maior império da ilha.

A Ouvidoria do Pico já tinha recomendado a suspensão das festas do Espírito Santo nos moldes habituais, deixando, contudo, ao critério de cada irmandade a celebração do culto, mas sempre de acordo com as normas impostas pela Autoridade Regional de Saúde.

Na Madalena do Pico este ano não houve o tradicional arrolamento de rosquilhas.

A celebração religiosa mantém-se agendada para a próxima terça-feira, dia em que a festa será feita sem a distribuição de rosquilhas, num império onde, tradicionalmente, eram arroladas entre seis a sete mil rosquilhas todos os anos.

Será uma festa do Espírito Santo atípica, mas com a forte devoção que há séculos sempre marcou um povo.

RTP/Açores