Sociedade

Investigadoras da Universidade do Minho fazem progressos no combate à doença de Machado-Joseph (Vídeo)

Há um suplemento alimentar com baixa toxicidade que pode retardar a progressão da doença Machado-Joseph.

A"creatina" foi testada em ratos por uma equipa de investigadoras da universidade do Minho.

RTP-Açores