Ouvir
Tarde - Antena 1
Em Direto
Tarde - Antena 1

Os Dias da Rádio

Quatro e Meia - Pontos nos "i"s

|

Quatro e Meia - Pontos nos is

Os Quatro e Meia que lançaram "Pontos nos Is" estiveram na "Tarde Antena 1" para conversar com Filomena Crespo e cantar dois temas do seu álbum.




Digressão "P'ra Frente É Que É Lisboa"

  • 27 de Maio – Porto - Evento Privado
  • 1 de Junho – Coimbra - Evento Privado
  • 16 de Junho – Alter do Chão - Alter Summer Fest
  • 14 de Julho – Vila Nova de Gaia - Meo Marés Vivas
  • 29 de Julho – Montemor o Novo – Festival de Lavre
  • 31 de Julho – Mirandela - Festas Nossa Senhora do Amparo
  • 4 de Agosto - Vila de Rei – Feira de Enchidos, Queijo e Mel
  • 12 de Agosto – Costa da Caparica - Sol da Caparica
  • 9 de Setembro – Figueira da Foz - CAE
  • 13 de Dezembro – Porto - Casa da Música



SOBRE OS QUATRO E MEIA:

Decorria a Primavera do ano de 2013 quando, por desafio de amigos comuns, se juntaram cinco rapazes com especial gosto pela música. O pretexto inicial foi o de executar uma pequena prestação musical num Sarau de Gala, que veio a decorrer no dia 25 de Maio de 2013, no Teatro Académico Gil Vicente, em Coimbra, organizado pela Academia de Dança do Centro Norton de Matos.

Foi nessa noite, para uma plateia com cerca de 500 pessoas, que Os Quatro e Meia se mostraram, pela primeira vez, ao público da cidade que se tornara denominador comum nas suas vidas. 
Ao som de guitarra, contrabaixo, violino, acordeão, bandolim e percussão, o grupo tem procurado agregar o mais variado manancial de música portuguesa de qualidade, desde o estilo Pop-Rock até ao Fado, numa tentativa de conferir novas sonoridades e olhares sobre algumas das mais belas canções criadas no nosso país. 

Atualmente com seis elementos – João Cristóvão Rodrigues (violino e bandolim), Mário Ferreira (acordeão e voz), Pedro Figueiredo (Percussão), Ricardo Liz Almeida (guitarra e voz), Rui Marques (contrabaixo) e Tiago Nogueira (guitarra e voz), Os Quatro e Meia procuram, de uma forma descontraída e bem-disposta, conferir novos olhares e sonoridades na composição de canções feitas na língua de Camões.