Estreias  

A propósito do adjectivo "provocatório"...

Um escândalo provocado por imagens difundidas na Net está no centro do filme romeno "Má Sorte no Sexo ou Porno Acidental": o resultado é um objecto de dramática banalidade filosófica, iludido pelo seu tom (dito) provocatório...

A propósito do adjectivo provocatório...
Cenas da Roménia contemporânea: um filme com quase nada para dizer...
Crítica de
Subscrição das suas críticas
115
Trailer/Cartaz/Sinopse:
 A propósito do adjectivo provocatório...
Má Sorte no Sexo ou Porno Acidental A professora Emi vê a sua carreira e reputação ameaçadas depois de uma ‘sex tape’ pessoal ir parar acidentalmente à Internet. Forçada a enfrentar os pais dos seus alunos que exigem a sua demissão, Emi recusa-se a ceder à pressão. Com este filme, que venceu o Urso de Ouro em Berlim, Radu Jude materializa uma sátira social não convencional, incendiária, com humor irreverente e comentários mordazes ...

Distinguido com o Urso de Ouro do Festival de Berlim, o filme romeno "Má Sorte no Sexo ou Porno Acidental", de Radu Jude, é um curioso revelador do entendimento corrente das imagens e do seu valor (informativo, normativo, eventualmente rebelde, etc.).

Assim, como referem todos os textos que o abordam (incluindo este, claro...), no seu início vemos um video de sexo "explícito" (fica por discutir o que seria uma versão "implícita" da actividade sexual): uma professora e o seu marido filmaram-se na intimidade e, por uma série de atribulações, o respectivo video foi parar aos circuitos da Net... A sua exposição pública desencadeia um agitado processo — por um lado, a escola está preocupada com o seu prestígio, por outro lado, os encarregados de educação questionam a idoneidade da professora...

Dir-se-ia que Radu Jude fez um filme como se faz uma campanha de marketing "provocatória" — não tem muito para dizer, mas tem a certeza de que a abertura do seu filme lhe colará o rótulo de alguém que está aqui para colocar "grandes" questões. Decididamente, o valor filosófico dos temas sexuais está sobrevalorizado. Um pouco à maneira da gramática corporal da imprensa "cor-de-rosa": aí, desde que uma mulher exponha alguns centímetros de pele, então aplica-se o adjectivo "sensual"...

Uma tristeza, enfim. A certa altura, sem esquecer os sinais da pandemia que lhe emprestam uma indesmentível actualidade figurativa, "Má Sorte no Sexo ou Porno Acidental" parece querer elaborar uma visão quase documental do dia a dia da sociedade romena, motivada pela deambulação da professora, tentando controlar os efeitos práticos do seu video... Alguns apontamentos da cidade de Cilibiu possuem um inesperado e sugestivo efeito de verdade (documental, precisamente) que o filme rapidamente esbanja.

Para lá da montagem alegórica (?), por vezes com paralelismos totalmente disparatados (por exemplo, aproximando a evolução da Roménia da história da Revolução Francesa), o filme encaminha-se para a interminável cena do "julgamento" da professora, encenada em tom de péssimo aprendiz de Fellini... Encore un effort...

Crítica de João Lopes
publicado 17:39 - 09 setembro '21

Recomendamos: Veja mais Críticas de João Lopes