Festival de San Sebastián anuncia elenco de filmes espanhóis
"La Maternal", o novo filme de Pilar Palomero.

Festival  

Festival de San Sebastián anuncia elenco de filmes espanhóis

Entre os principais títulos estão novas obras de Fernando Franco, Mikel Gurrea, Pilar Palomero e Jaime Rosales.

Os novos filmes de Fernando Franco, Mikel Gurrea, Pilar Palomero e Jaime Rosales vão estar na corrida à Concha de Ouro no 70.º Festival de San Sebastian, foi hoje anunciado.

Integram um grupo de 18 títulos de produção espanhola revelados pela organização. Destes, 15 são longas metragens a que se juntam duas curtas e uma série televisiva repartidos pela seleção oficial e pelas secções paralelas, Novos Realizadores, Zabaltegi-Tabakalera, Perlak e Velódromo.

O sevilhano Fernando Franco regressa à competição oficial em San Sebastián com a sua terceira longa-metragem, "La consagración de la primavera", depois de ter sido reconhecido com o Prémio Especial do Júri e a Concha de Prata - para a actriz Marian Álvarez - por "La herida" (2013), e de ter sido seleccionado para uma sessão especial com "Morir" (2017). "La consagración de la primavera" conta a história do encontro entre uma rapariga de 18 anos e um jovem com paralisia cerebral.

"Suro" é a estreia em longa-metragem do basco Mikel Gurrea, depois da sua curta "Heltzear" estreada no ano passado no Festival de Veneza e programada na secção Zabaltegi-Tabakalera. Com Vicky Luengo e Pol López, que interpretam um casal que se muda para o campo.

"La maternal" é o segundo filme de Pilar Palomero e surge após ganhar o Goya para Melhor Filme, Melhor Primeira Obra e Melhor Argumento Original com a sua longa de estreia, "As Meninas". Desta vez, Palomero concentra-se numa menina de 14 anos e no seu processo de aprendizagem para se tornar mãe.

O catalão Jaime Rosales também regressa à competição oficial em San Sebastian depois de ganhar o Prémio Fipresci com "Tiro en la cabeza", na edição 2008, e de apresentar vários dos seus filmes em outras secções. Em "Girasoles silvestres", Anna Castillo interpreta uma mãe em busca de uma vida melhor.

Ainda na seleção oficial, mas fora de competição, será estreada "El techo amarillo", documentário dirigido por Isabel Coixet sobre os abusos sexuais cometidos do Teatro de Lleida entre 2001 e 2008. San Sebastian foi o cenário da estreia na realização de Coixet, com "Demasiado viejo para morir joven", em 1988.

A 70.ª edição do Festival de Cinema de San Sebastián decorrerá de 16 a 24 de Setembro.

por

Recomendamos: Veja mais Artigos de Festival