Mined Soil e Maria do Mar premiados em Vila do Conde
"Maria do Mar", de João Rosas — prémio de melhor filme na competição nacional

Festival  

"Mined Soil" e "Maria do Mar" premiados em Vila do Conde

Um filme português, "Mined Soil", de Filipa César, arrebatou o Grande Prémio do Curtas Vila do Conde; na secção nacional, "Maria do Mar", de João Rosas, foi eleito o melhor filme.

Artigo recomendado:
Mined Soil e Maria do Mar premiados em Vila do Conde
Festival
As curtas entre "documentário" e "ficção" O Curtas Vila do Conde tem sido uma montra diversificada de algumas das tendências mais marcantes da produção contemporânea — em foco, ...

O filme português "Mined Soil", de Filipa César, arrebatou o Grande Prémio do Curtas Vila do Conde — nele se evocam os trabalhos de Amílcar Cabral na área de agronomia, como estudante guineense em Portugal, e depois o seu envolvimento no movimento de libertação do seu país. Foi a terceira vez que um título português ganhou o principal prémio do certame (para o qual concorrem todos os títulos, de qualquer origem).

Na secção nacional, "Maria do Mar", de João Rosas, retratando um grupo em férias na zona de Sintra, obteve o prémio de melhor filme. Os prémios do público foram para “Amélia & Duarte”, Alice Eça Guimarães e Mónica Santos, e “Kung Fury”, David Sandberg (nas secções nacional e internacional, respectivamente).

Eis o palmarés integral da 23ª edição do Curtas Vila do Conde:

* Competição Internacional

GRANDE PRÉMIO - “Mined Soil”, Filipa César (Portugal/França)
PRÉMIO FICÇÃO - “Beach Week”, David Raboy (EUA)
PRÉMIO DOCUMENTÁRIO - “Bear”, Pascal Flörks (Alemanha)
PRÉMIO ANIMAÇÃO - “Mynarski Chute Mortelle”, Matthew Rankin (Canadá)
NOMEAÇÃO PARA OS PRÉMIOS DO CINEMA EUROPEU - “Kung Fury”, David Sandberg (Suécia)
PRÉMIO DO PÚBLICO - “Kung Fury”, David Sandberg (Suécia)

* Competição Nacional

MELHOR FILME - “Maria do Mar”, João Rosas
MELHOR REALIZADOR - Margarida Lucas, “Rampa”
PRÉMIO DO PÚBLICO - “Amélia & Duarte”, Alice Eça Guimarães e Mónica Santos
PRÉMIO CANAL+ - “Amélia & Duarte”, Alice Eça Guimarães e Mónica Santos

* * * * *

PRÉMIO EXPERIMENTAL - “The Dent”, Basim Magdy

CURTINHAS - “The Present”, Jacob Frey (Alemanha)
Menções honrosas: “Frenemy”, Vera Lalyko (Alemanha) e “A Single Life”, Job Roggeveen, Joris Oprins e Marieke Blaauw (Holanda)

PRÉMIO VIDEO MUSICAL - “Movin Up” – X-Wife, André Tentúgal (Portugal)

TAKE ONE! - “Bétail”, Joana de Sousa (Portugal)
Menção honrosa: “Sala Vazia”, Afonso Mota (Portugal)

por
publicado 20:16 - 12 julho '15

Recomendamos: Veja mais Artigos de Curta-metragemFestival