Desporto

Associações de futebol repudiam ocorrências e apelam à “serenidade”

As Associações Distritais e Regionais de Futebol repudiam e lamentam os atos ocorridos ontem, em Alcochete.

Associações de futebol repudiam ocorrências e apelam à “serenidade”

© Mário Cruz - Lusa

Numa mensagem sobre os “incidentes ocorridos em Alcochete, as associações “apelam à serenidade de todos os agentes desportivos e manifestam a esperança de que o futebol português seja um exemplo de dignidade, não só a nível Nacional como Internacional”.

Mais adiantam que “têm a esperança que a jornada desportiva do próximo domingo, dia da Final da Taça de Portugal, seja um exemplo de grande desportivismo e Fair Play, uma verdadeira festa do futebol que deve ser assumida por todos, no momento em que o futebol português se prepara para uma grande competição internacional que é a sua presença no Campeonato do Mundo de Futebol”; conclui o comunicado.


Na terça-feira, cerca de 50 pessoas, de cara tapada, alegadamente adeptos ‘leoninos’, invadiram a Academia de Alcochete e, depois de terem percorrido os relvados, chegaram ao balneário da equipa principal, agredindo vários jogadores, entre os quais Bas Dost, Acuña, Rui Patrício, William Carvalho, Battaglia e Misic e outros membros da equipa técnica.
A equipa principal do Sporting cumpria o primeiro treino da semana, depois da derrota no terreno do Marítimo (2-1), que relegou a equipa para o terceiro lugar da I Liga, iniciando a preparação para a final da Taça de Portugal, no domingo, frente ao Desportivo das Aves.