Desporto

Rali de Santa Cruz adiado para outubro por não estarem reunidas as condições para a realização da prova

A organização com as condições atualmente permitidas pelas entidades públicas do Concelho não consegue realizar a prova

Rali de Santa Cruz adiado para outubro por não estarem reunidas as condições para a realização da prova

Quarta prova do campeonato adiada por não estarem reunidas as condições para a realização da prova

A Câmara Municipal de Santa Cruz fez saber que só pode disponibilizar uma ambulância e um desencarcerador, mas para fazer a prova a organização necessita de pelo menos três ambulâncias e dois desencarceradores, segundo conseguimos apurar.

Para realizar a prova a organização necessita de uma ambulância em cada classificativa, assim como um desencarcerador por razões de segurança e uma terceira ambulância no parque de assistências porque é obrigatório.

A Câmara Municipal de Santa Cruz disse à organização que não pode disponibilizar três ambulâncias e dois desencarecedores porque a população fica desprotegida.

O traçado do Rali apresentava novidades este ano, na parte da manhã com a classificativa de Santa Cruz a acabar perto do Campo de Golfe e a classificativa Quatro Estradas - Nicho, classificativas que se repetem por duas vezes.

À tarde uma classificativa de 18 km, a começar no Palheiro Ferreiro, passando por Terreiro da Luta, Ribeiras das Cales, Pedra do Poiso, Nicho e terminando nos Terreiros. E ainda a classificativa da Assomada, ambas feitas por duas vezes.

No total o rali tem 10 classificativas, mantendo-se as classificativas de sexta-feira à noite.

O mês de outubro deverá ser o mês em que se realiza o rali.