Política

PS compromete-se a aprovar propostas de «amplo» espetro político

O PS comprometeu-se hoje a aprovar propostas de alteração ao Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) de um "amplo" espetro político de partidos “democráticos”, desde que estas não coloquem em causa as contas públicas.

PS compromete-se a aprovar propostas de «amplo» espetro político

© Lusa

A posição foi transmitida pela deputada socialistas Jamila Madeira, durante uma intervenção no primeiro dia de discussão na especialidade da proposta do OE2022 no parlamento.

“Podemos desde já dizer que aprovaremos propostas deste amplo espetro político e com isso acreditamos continuar a ajudar a reforçar a voz deste Orçamento, sem nunca, mas sem nunca pôr em causa a estabilidade orçamental, nem pôr em causa o princípio das boas contas públicas, das contas certas”, disse a parlamentar.

Durante uma intervenção ao início da manhã, Jamila Madeira afirmou que as propostas de alteração ao orçamento apresentadas pelo PS seguem o princípio de responsabilidade orçamental.

“Foi também desta forma que avaliamos as propostas de alteração da oposição, procurando dar soluções aos problemas, aos problemas do país e agregando a este Orçamento também a visão de todos os partidos democráticos neste parlamento”, vincou.

Elencou ainda as propostas apresentadas pelo partido que apoia o Governo, exemplificou medidas como os seguros de crédito à exportação, o combate ao planeamento fiscal abusivo, a proteção dos setores mais expostos à crise energético, o reforço do papel das autarquias e da descentralização.

Ainda assim, à semelhança do que os membros do Governo têm defendido, argumentou que “só com contas certas temos outros instrumentos para continuar a agir”, acrescentando que “menos dívida significa menos impostos e mais reforço das políticas sociais no futuro”.