Sociedade

Julgado de Paz de Santa Cruz abriu hoje

Um espaço onde os munícipes de Santa Cruz e Machico podem recorrer no intuito de resolver conflitos de forma mais célere e mais barata.

© DR

A sede fica na Loja do Munícipe, no centro do Caniço.

O Julgado de Paz não faz consulta jurídica, mas tem quase todas as competências dos outros tribunais.

De fora ficam problemas de sucessão, trabalho e família. De resto, todos os processos cíveis até 15 mil euros podem ser apresentados ao Julgado de Paz.

Alguns processos não são resolvidos pelas partes através do Julgado de Paz, mas a juíza Daniela Cerqueira acredita que, na maior parte das vezes, a mediação faz magia.

A inauguração do Julgado de Paz de Santa Cruz foi aproveitada pelo Presidente da Câmara para anunciar que está em negociações com o Estado para a instalação de um posto da polícia de Segurança Pública no Caniço.