Sociedade

Líderes da Rússia e da China vão participar de cimeira do G20

O presidente russo, Vladimir Putin, e o homólogo chinês, Xi Jinping, vão participar na cimeira do G20, em novembro, avançou o presidente da Indonésia, que atualmente preside ao fórum das maiores economias mundiais.

Líderes da Rússia e da China vão participar de cimeira do G20

© REUTERS

A presença dos dois chefes de Estado vai coincidir com a do presidente dos EUA, Joe Biden, numa altura em que as relações de Washington com Moscovo e Pequim estão no nível mais baixo das últimas décadas, devido à guerra na Ucrânia e às tensões em torno de Taiwan.

Não era ainda certo se Putin e Xi iam estar na ilha indonésia de Bali para participar da cimeira. O contacto entre Putin e os líderes ocidentais foi praticamente interrompido, após a invasão da Ucrânia, enquanto o líder chinês não sai do país desde o início da pandemia da covid-19.

Mas o presidente indonésio, Joko Widodo, disse em entrevista à Bloomberg que os dois líderes compareceriam à cimeira.

“Xi Jinping vem. O presidente Putin também me disse que vem”, revelou Widodo.

As autoridades do Kremlin explicaram em junho que Putin aceitou o convite de Widodo, mas que a sua participação pessoal vai depender da situação da pandemia.

Jacarta está sob pressão dos países ocidentais para excluir Vladimir Putin da cimeira, depois de anunciar em abril que o líder russo foi convidado.

Jacarta manteve uma atitude de neutralidade em relação à Ucrânia. Joko Widodo viajou para Kiev e Moscovo no início deste ano.

A Indonésia também convidou o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, para participar na cimeira. O líder ucraniano, cujo país não é membro do G20, disse que participaria, pelo menos via videoconferência.
Lusa