Ouvir
Vibrato
Em Direto
Vibrato Pedro Rafael Costa

Concertos

Ensemble São Tomás de Aquino | 21 Dezembro | 19h00

Museu Nacional de Arte Antiga

|

Ensemble São Tomás de Aquino | 21 Dezembro | 19h00 Ensemble São Tomás de Aquino | 21 Dezembro | 19h00

© Jorge Carmona / Antena 2


Temporada Concertos Antena 2

21 Dezembro | 19h00

Transmissão direta
a partir do Auditório do 
Ensemble São Tomás de Aquino | Natal Português


Sopranos
Inês Pimentel, Margarida Simões, Sofia Portela
Altos
Madalena Barão, Mariana Cardoso, Patrícia Manso
Tenores
Carlos Monteiro, Francisco O´Neill Cortes, João Castelo Branco
Baixos
Gonçalo Freitas, João Líbano Monteiro, Pedro Morgado
Direção
João Andrade Nunes





Programa

Natal Português

1. Pela Noite de Natal (SSA) | I Cantata de Natal de Fernando Lopes-Graça

2. Nasceu, já nasceu | II Cantata de Natal de Fernando Lopes-Graça

3. I canto: Jesus, Maria e José (SAA) | Oito cantos do Natal de J. Croner de Vasconcellos

4. IV canto: O Menino está deitado (SSAA) | Oito cantos do Natal de J. Croner de Vasconcellos

5. O Menino nas Palhas | II Cantata de Natal de Fernando Lopes-Graça

6. Bendito do Natal | II Cantata de Natal de Fernando Lopes-Graça

7. Pastores que andais na serra (Trás-os-Montes) | Fernando Lapa

8. Ó meu menino | Eurico Carrapatoso

9. O Menino está dormido | Harm. Mário de Sampayo Ribeiro

10. Olhei para o céu | Arranjo Ch. Bochmamn

11. Ó meu Menino tão lindo (Minho) | Harmonização Manuel Simões

12. Natal de Elvas (TTBB + SATB) | Harmonização Mário de Sampayo Ribeiro

13. Linda noite de Natal (Algarve) | Harmonização João Andrade Nunes

14. Dorme, Menino Jesus | José Firmino

15. Natal de Linhares (Beira) | Harmonização João Andrade Nunes





Transmissão direta
Apresentação: Pedro Ramos
Produção: Anabela Luís, Reinaldo Francisco



Ensemble São Tomás de Aquino | Residente na Igreja de São Tomás de Aquino, em Lisboa, o Ensemble São Tomás de Aquino constitui-se como um grupo de composição variável formado por jovens músicos profissionais.
Criado em Julho de 2015, tem apresentado – em concerto e no âmbito litúrgico – repertório verdadeiramente exigente e diferenciado. Entre as obras executadas em concerto incluem-se o Kyrie e Gloria da “Missa em Si menor” e o “Magnificat” de J. S. Bach, Gloria de A. Vivaldi, “Messiah” de G.F. Handel, “Selected Mass” de Vincent Novello, Requiem de Mozart, bem como numerosas obras de polifonia sacra antiga e contemporânea. 
Seguindo de perto o trabalho do compositor Alfredo Teixeira, tem estreado várias das suas obras: “Missa do Parto”, para coro e órgão (2018), “Apocalipse Breve segundo Daniel Faria”, para duplo trio (2019); “Hinário para um tempo de confiança”, para coro, órgão e saxofone (2021). 
Em Março de 2021, através de várias plataformas digitais, iniciou um projeto musical, denominado de “Vou interpretar o meu enigma ao som da lira. Música, Liturgia, Espiritualidade”, que pretende (re)descobrir e divulgar, de forma ampla, música portuguesa. 
De igual modo, tem vindo a apresentar-se em diversos festivais de música tais como: Festival Internacional de Órgão da Madeira (2017), II Festival Internacional de Órgão de Mafra (2018), Festival de Música “Sons com História” de Castelo de Vide (2019), Festival Cistermúsica (2020), II Festival de Música Antiga de Torres Vedras (2020) e Festival de Música no Termo (2021). 
Em Novembro de 2020, sob a chancela da Paulus Editora, lançou o seu primeiro projeto discográfico, intitulado de “Vimos do Mar e da Montanha”.



João Andrade Nunes | Maestro e Direção Artística é mestre (2019) e licenciado (2015) em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Na mesma instituição, atualmente, é doutorando em Direito, na especialidade História do Direito Português. Paralelamente, mantém uma atividade musical de âmbito profissional. 
Depois de ter realizado o Curso Integrado de Música nos conservatórios de música Pedro Álvares Cabral (Belmonte) e Oficinas de S. José (Guarda), em 2008, por meio de provas públicas, ingressou na Banda da Armada Portuguesa, como saxofonista solista. 
Em 2009, juntamente com a flautista Miriam Cardoso e o oboísta Filipe Branco, fundou o grupo de música contemporânea Entre Madeiras Trio. Concomitantemente, licenciou-se em Música, pela Escola Superior de Música de Lisboa (2011). Nesta instituição, estudou técnicas de composição e harmonização com João Madureira. Fora da academia realizou, ainda, cursos de composição com Domenico Ricci, Fernando Lapa e Jorge Constante Pereira. 


Desde 2011, tem musicado e harmonizado inúmeros textos sacros. Nesse sentido, destacam-se várias obras publicadas em plataformas digitais e em formato impresso como: Livro Cinzento - laboratório 2019, Editorial Frente e Verso, Braga, 2019, Cantoral Nacional para a Liturgia, Secretariado Nacional de Liturgia, Serviço Nacional de Música Sacra, Fátima, 2019 e Vimos do Mar e da Montanha, Paulus Editora, Lisboa, 2020. 
Como maestro fundou (2015) um peculiar projeto de divulgação e incremento de música sacra na liturgia designado de Ensemble São Tomás de Aquino, residente na Igreja São Tomás de Aquino, em Lisboa. 
Em 2019 integrou, como elemento do júri, o I Concurso Internacional de Composição, Prémio Clotilde Rosa e o Prémio de Composição Pe. Miguel Carneiro.











Fotos Jorge Carmona / Antena 2