Ouvir
Jazz a 2
Em Direto
Jazz a 2 João Moreira dos Santos / Maria Alexandra Corvela / Luís Caetano / Produção: Cristina do Carmo

Festivais

OUT.FEST | 5 a 8 Outubro

Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro

|

OUT.FEST | 5 a 8 Outubro OUT.FEST | 5 a 8 Outubro

OUT.FEST - Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro

5 e 8 Outubro


A 18ª edição do mais importante festival de música experimental do País decorre entre os dias 5 e 8 de Outubro, e volta abrir as portas em diferentes espaços do Barreiro, como na ADAO - Associação Desenvolvimento Artes e Ofícios, Biblioteca Municipal do Barreiro, 
Centro Comercial Sol-Pôr, Largo 1º de Maio, Gasoline - Associação Cultural e Desportiva, Sala 6 e SIRB "Os Penicheiros", e pela primeira vez, nas históricas e emblemáticas oficinas de reparação de locomotivas da CP.

Ao longo de 4 dias e em 10 palcos diferentes, o Out.Fest apresenta uma programação que inclui 30 concertos, duas conversas com artistas e uma instalação sonora - A Segunda Natureza, de Rita Santos -, o que configura o cartaz mais extenso da história do festival. 


@ Michael Jackson

Na noite de 6 de outubro merecem destaque os concertos da flautista, compositora, poetisa nova-iorquina Nicole Mitchell, nome marcante do novo jazz americano deste século, e de Amirtha Kidambi que se apresenta com o seu quarteto Elder Ones, formação que cruza o jazz contemporâneo com as influências e raízes indianas da líder.


Este último concerto decorre ao abrigo do projeto europeu Remaiin, que promove a música experimental europeia com raízes noutras culturas do mundo e do qual a OUT.RA é parceira. 
Também ligados a este projeto atuam o britânico David Toop, numa das suas raras aparições ao vivo, trazendo consigo mais de quatro décadas de carreira enquanto músico, escritor e pensador da música, do som e da escuta nas suas múltiplas vertentes; e também o percussionista australiano Will Guthrie com o ensemble parisiense Nist-Nah para prestarem homenagem e construírem novos mundos de som por via do tradicional gamelão da Indonésia. 
São os artistas que trazem ao Barreiro músicas ancestrais do mundo, revisitadas com os ouvidos da contemporaneidade.



O cartaz deste ano prosegue com o duo Cavernancia & Maria da Rocha que une em palco o projeto do barreirense Pedro Roque e a violinista lisboeta, o mistério indie dos britânicos bar italia - nova banda lançada pela World Music, editora de Dean Blunt -, a pianista e compositora francesa Eve Risser com uma grande experiência em diversas lides jazzísticas, os portuenses Sereias que acabam de editar novo e homónimo álbum incendiário, a japonesa Phew, voz única e intrigante com quatro décadas de trabalho, e
o regresso do italiano Still, desta vez em colaboração com o ugandês Ecko Bazz.

@ Sylvain Gripoix



O último dia do OUT.FEST inicia-se na SIRB Os Penicheiros com Poly Vuduvum, duo das multifacetadas Diana Policarpo e Marta von Calhau, e com o co-fundador da editora Rotten/Fresh usof. Em programa paralelo na Biblioteca Municipal, tocam as electrónicas do bracarense Luís Fernandes, a dupla portuense de Inês Tartaruga Água e Xavier Paes em Dies Lexic, e a norte-americana Claire Rousay. Noutros espaços marca presença a formação Má Estrela liderada pelo saxofonista Pedro Alves Sousa em busca dos espectros eletrónicos fora do jazz, e o quarteto George Silver & Gold, expansão do trabalho solo do barreirense George Silver, a brasileira radicada no Porto Dibuk, e a artista de origem turca a residir no Porto, Ece Canlı com obra pensada e valorosa de intuição exploratória.


Ece Canli @ Pelin Kazak


Ao longo dessa noite e madrugada, têm lugar oito concertos entre os quais o do regresso da norte-americana de descendência chinesa e taiwanesa Audrey Chen, o do britânico Richard Dawson em colaboração com os finlandeses Circle, o do rap claustrofóbico do duo norte-americano Prison Religion, o do pioneiro na criação, disseminação e avanço do footwork, RP BOO, ou o do tailandês Pisitakun.




Desde 2004 e anualmente, o OUT.FEST - Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro tem trazido uma programação que procura refletir o que de mais significativo se faz atualmente na música experimental contemporânea, nas suas mais diversas ramificações - da música improvisada à electrónica abstracta, do free-jazz ao noise, à música clássica contemporânea e às novas e inclassificáveis linguagens que todos os dias nascem e enriquecem um pouco mais o mundo. 

A par com a música, convive todo um excitante universo de experiências e cruzamentos inter-media que fervilha de novidade, desafiando as regras e as fronteiras clássicas das diversas formas de expressão artística e humana.   

A partir da periferia de Lisboa, grande centro cultural do país, traça-se um paralelo quase perfeito com a periferia do "mainstream" artístico, região fértil e laboratório insuspeito da grande arte dos nossos tempos.

Desde a primeira edição, o OUT.FEST apresentou já mais de 300 concertos em mais de 50 espaços diferentes do Barreiro, acolhendo músicos de todos os continentes e promovendo novas colaborações e trabalhos comissariados, dando a conhecer outros universos sonoros a mais de 2000 espectadores anuais.    


@ Pedro Roque


Todo o Programa e mais informações em OUT.FEST.pt.    


O OUT.FEST é organizado pela OUT.RA - Associação Cultural, em parceria de programação com a Filho Único, e é financiado pela Direcção-Geral das Artes e Município do Barreiro. A Antena 2 e a Wire são os parceiros media oficiais e os TCB o parceiro mobilidade.