PS desafia Bloco e PCP a clarificarem condições para formação de Governo

| Eleições Legislativas 2015

O PS desafiou hoje o PCP o Bloco de Esquerda a clarificarem as suas posições sobre a existência de condições políticas para a formação de um novo Governo com suporte parlamentar da esquerda.

Esta posição consta do comunicado final aprovado por ampla maioria pela Comissão Política Nacional do PS ao fim de quatro horas de reunião.

No comunicado, lido pela dirigente socialista Ana Catarina Mendes, refere-se que, "infelizmente, a maioria que expressou uma vontade de mudança ainda não se traduz numa maioria de Governo, nem se satisfaz no mero exercício de uma maioria negativa, apenas apostada em criar obstáculos, sem assegurar uma alternativa real e credível de Governo".

No mesmo documento, numa alusão ao facto de a coligação PSD/CDS estar na nova legislatura em situação de maioria relativa, o PS salienta que assumirá "a responsabilidade que lhe foi cometida de garantir que a vontade dos portugueses não se perca na ingovernabilidade, no vazio ou no adiamento".

"A perda de maioria pela coligação PSD/CDS constitui um novo cenário político, fruto de uma expressiva vontade de mudança que coloca no PSD e no CDS o ónus de criarem condições de governabilidade neste novo quadro parlamentar", lê-se ainda no documento.

"A coligação tem de perceber que não pode governar como se nada tivesse acontecido e deve explicitar como pretende assegurar a governabilidade", advertem os socialistas.

Tópicos:

CDS,

A informação mais vista

+ Em Foco

A Festa dos Tabuleiros regressa às ruas da cidade de Tomar. Um longo desfile em que 750 tabuleiros são transportados por mulheres.

    Os líderes europeus não chegaram a acordo sobre quem deve liderar a União nos próximos cinco anos.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.