Em direto
Euro2024. Acompanhe aqui, ao minuto, o encontro do Grupo B entre Espanha e Croácia

Adolescente é morto por polícia na Austrália após ataque com faca

por Lusa

Um adolescente foi morto a tiro pela polícia depois de ter ferido uma pessoa num ataque com faca na Austrália Ocidental, anunciaram hoje as autoridades, referindo indícios de que o jovem se "radicalizou na Internet".

O adolescente de 16 anos, armado com uma faca, atacou a polícia e foi morto a tiro por um agente, disse aos jornalistas o primeiro-ministro da Austrália Ocidental, Roger Cook.

"Há indícios de que ele se radicalizou na Internet. Mas quero tranquilizar o público, nesta fase parece que agiu sozinho", acrescentou Cook.

A polícia recebeu uma chamada no sábado à noite de um homem a avisar que ia cometer "atos de violência", não indicando o nome nem o local onde se encontrava, declarou aos jornalistas o chefe da polícia estadual, Col Blanch.

Poucos minutos depois, acrescentou o responsável, a polícia recebeu uma chamada de emergência a avisar que "um homem com uma faca estava a fugir" de um parque de estacionamento em Willetton, nos subúrbios de Perth.

De acordo com imagens de uma câmara da polícia, o adolescente recusou-se a pousar a faca, tal como solicitado pelas autoridades, continuou Blanch.

Os agentes dispararam dois `tasers` (armas de choques elétricos), mas "nenhum deles teve o efeito pretendido", afirmou.

"O homem continuou a avançar em direção a [um agente] com arma de fogo, que disparou um único tiro e feriu mortalmente" o indivíduo, disse, referindo que o adolescente acabou por morrer no hospital mais tarde nessa noite.

pub