Plano de Paz. Trump reconhece soberania israelita nos colonatos da Cisjordânia

por RTP

Donald Trump apresentou o Plano de Paz para o Médio Oriente a que chama o "Acordo do Século" e reconhece a soberania israelita nos colonatos. O plano prevê a criação de um Estado palestiniano desmilitarizado com capital em Jerusalém Oriental. Os palestinianos não foram chamados e já recusaram o plano.

O plano levou três anos a ser preparado e para Trump é o melhor proposta de sempre para acabar com o conflito israelo-palestiniano, uma vez que prevê a criação de um Estado palestiniano desmilitarizado com capital em Jerusalém Oriental.

Benjamin Netanyahu, actual primeiro-ministro, considera o plano fantástico e o opositor Benny Gantz também diz que a proposta é histórica.

No entanto, o plano de Trump foi considerado pelos palestinianos como pró-israelita violando as normas do direito internacional.
pub