Estado vai adquirir obras de arte contemporânea

| País
Estado vai adquirir obras de arte contemporânea

O primeiro-ministro anunciou esta quarta-feira a criação de um programa anual para aquisição de obras de arte contemporânea. Uma iniciativa que está na proposta do próximo Orçamento do Estado.

Foi na residência oficial que António Costa recebeu dezenas de artistas que representaram todos aqueles que assinaram uma carta que alertava para o estado da Arte Contemporânea em Portugal.

A carta também virou obra de arte como nos conta a jornalista Olívia Santos.

Um programa para dez anos que arranca no próximo ano com uma verba de 300 mil euros.

A informação mais vista

+ Em Foco

Um terramoto de magnitude 7,5 e um tsunami varreram a ilha de Celebes, causando a morte de pelo menos duas mil pessoas. A dimensão da catástrofe é detalhada nesta infografia.

    Em entrevista exclusiva à RTP, Flávio, um dos filhos de Jair Bolsonaro, afirmou que o candidato do PT Fernando Haddad devia juntar-se a Lula da Silva.

    Na Venezuela, os sequestros estão a aumentar. Em Caracas, só este ano foram raptadas 107 pessoas.

      Faltam seis meses para a saída do Reino Unido da União Europeia. Dia 29 de março de 2019 é a data para o divórcio. A RTP agrega aqui uma série de reportagens sobre o que o Brexit pode significar.