Médicos cubanos a trabalhar em Portugal recebem 20 por cento do ordenado

| País
Médicos cubanos a trabalhar em Portugal recebem 20 por cento do ordenado

A ver: Médicos cubanos a trabalhar em Portugal recebem 20 por cento do ordenado

Os médicos cubanos chamados a trabalhar em Portugal recebem um terço daquilo que é pago a qualquer clínico português que exerça as mesmas funções no Serviço Nacional de Saúde. Mas cada um custa quatro mil euros mensais ao Estado português, 80% do dinheiro segue diretamente para o regime de Havana.

O bastonário da Ordem dos Médicos fala numa espécie de "escravatura branca". Este acordo foi assinado entre Portugal e Cuba durante o segundo governo de José Sócrates. Até hoje, além dos signatários, nunca ninguém viu este contrato secreto, nem sequer os médicos cubanos que chegam ao seu abrigo.

A informação mais vista

+ Em Foco

O presidente da Câmara dos Comuns é, digamos assim, o equivalente ao presidente da Assembleia da República em Portugal.

Neste Manual do Brexit, explicamos em 12 pontos o que está em causa e os cenários que se colocam.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      A entrevista ao ativista de Direitos Humanos para o programa Olhar o Mundo.