Ministra do Trabalho anuncia fiscalização ao sucedido no lar de Reguengos

por RTP

Durante o Surto de Covid19 em Reguengos a Segurança Social contactou 670 pessoas para trabalhar no lar afectado mas só 35 aceitarem.

Revelações feitas pelas ministras do Trabalho e da Segurança Social na Assembleia da República.

Ana Mendes Godinho garantiu também que pediu uma fiscalização aos acontecimentos de Reguengos.
pub