Vespa asiática. Mais de 15 mil ninhos foram destruídos em 2018

por RTP

É uma luta que não permite tréguas. Mais de 15 mil ninhos de vespa asiática foram destruídos no ano passado, segundo números da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária. De acordo com o Plano de Ação para a Vigilância e Controlo da Vespa Velutina em Portugal, este trabalho é da responsabilidade das câmaras municipais ou de entidades a quem os municípios deleguem a missão.

A Comissão de Acompanhamento para a Vigilância, Prevenção e Controlo da Vespa velutina envolve 18 entidades, desde o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas à Direção-Geral de Alimentação e Veterinária. Segundo o plano de ação, a destruição dos ninhos é da responsabilidade da câmara municipal da área onde se registe a ocorrência ou de outra entidade que seja por si autorizada.

Entre as diversas entidades que estão no terreno a combater a vespa asiática, a Associação Nativa trabalha ao serviço de 10 municípios dos distritos do Porto e Aveiro.