Nacionalização do Novo Banco: o que diz a Comissão Europeia?

| Economia
Nacionalização do Novo Banco: o que diz a Comissão Europeia?

A Comissão Europeia (CE) não equaciona o cenário de nacionalização do Novo Banco. A hipótese ganhou força internamente na última semana, com várias vozes da direita a juntarem-se aos partidos da esquerda na intenção de manter o banco na esfera pública, desde que o ministro das Finanças admitiu em entrevista que a venda pode não acontecer.

Para já, Bruxelas diz que se a segunda tentativa de venda não for bem sucedida espera que o Novo Banco entre em liquidação.

O fundo americano Lone Star é o candidato apontado pelo regulador português.

A Lone Star oferece 750 milhões por um banco onde o Estado já injetou cinco mil milhões de euros.

O ministro das Finanças, Mário Centeno, admitiu esta segunda feira em entrevista à agência Reuters que em nome da estabilidade do sistema financeiro todos os cenários continuam em aberto.

A decisão deverá ser rápida. António Costa e Mário Centeno desejam fechar este “dossier” com alguma celeridade. Até ao final do primeiro trimestre poderão ficar encerradas as negociações com os interessados na compra.

A informação mais vista

+ Em Foco

Milícias separatistas apoiadas e armadas pelos Emirados Árabes Unidos tomaram a capital do sul, reforçando a sua posição face aos antigos aliados sauditas.

    Dois anos depois do grande incêndio de Pedrógão, a floresta continua por ordenar e o Governo conta com pelo menos uma década para introduzir as mudanças necessárias.

      Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

        Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.