Angola anuncia realização de 17,2 milhões de euros em leilão de diamantes

por Lusa

A Empresa Nacional de Comercialização de Diamantes de Angola (SODIAM) anunciou que encerrou hoje em Luanda o quarto leilão de diamantes brutos, tendo arrecadado um valor líquido total de 19,5 milhões de dólares (cerca de 17,2 milhões de euros).

As sessões de avaliação decorreram entre os dias 15 e 29 de novembro e as propostas aos "diamantes especiais de Catoca e Lulo", feitas através de uma plataforma eletrónica `online` criada para o efeito, foram apresentadas hoje.

"Estiveram à licitação um conjunto diversificado de pedras especiais, sendo seis da Sociedade Mineira do Lulo, que renderam 12,8 milhões de dólares e 15 da Sociedade Mineira do Catoca, que renderam 6,7 milhões de dólares", lê-se no comunicado enviado pela SODIAM à agência Lusa.

Participaram no leilão "29 empresas das principais praças diamantíferas mundiais".

Tratou-se do segundo leilão em 2021, acrescentou a empresa.

Fundada em 1999, a SODIAM é a empresa estatal responsável pela comercialização da produção diamantífera de Angola.

Tópicos
pub