Estágios profissionais e cursos de formação contribuíram para a descida do desemprego

por Isabel Pereira Santos, Ana Luísa Rodrigues, David Freitas, António Nunes - RTP

Nas estatísticas do desemprego entram como empregados os portugueses em estágio profissional, com contrato de emprego de inserção e com apoios à contratação.

Em formação profissional encontravam-se em maio deste ano, cerca de 170 mil pessoas, algumas contribuiram para os números do desemprego, que segundo o INE voltaram a descer.