PSD sugere que devolução de IRS pode ser perdida com mudança de Governo

| Política

O PSD sustentou hoje que, se tudo se mantiver como até agora, será possível devolver 20% da sobretaxa de IRS aos portugueses em 2016, mas sugeriu que uma mudança de Governo pode deitar esse resultado a perder.

"É possível prever que, se tudo se mantiver como até agora até ao fim do ano, é possível devolver cerca de 20% da sobretaxa aos portugueses", declarou o deputado do PSD Duarte Pacheco aos jornalistas, na Assembleia da República, subscrevendo o anúncio hoje feito pelo Governo, com base nos dados da execução orçamental do primeiro semestre.

"Mostra-se assim que o caminho está a dar resultados. Mas é preciso ter muito cuidado, porque se a credibilidade ou a rota for posta em causa, se houver ziguezagues, tudo pode ser posto a perder. É este cuidado que os portugueses devem ter e pensar bem no futuro", advertiu.

Questionado se estava a sugerir que uma mudança de Governo pode pôr em causa a eventual devolução de parte da sobretaxa de IRS, Duarte Pacheco confirmou: "As previsões para alguns países eram de crescimento económico, alteraram o Governo, houve muitas hesitações e voltaram à recessão. É isto que não pode acontecer em Portugal".

Contudo, não quis dar por "garantida" a devolução agora anunciada em caso de vitória da coligação PSD/CDS-PP nas legislativas: "Garantidas há muito poucas coisas na vida", afirmou.

Tópicos:

IRS Pacheco,

A informação mais vista

+ Em Foco

Em 7 de outubro de 1944, os trabalhadores forçados do Sonderkommando de Auschwitz-Birkenau atacaram os guardas da SS.

De A a Z. Uma infografia para conhecer como funciona o Parlamento.

    Os portugueses escolheram os seus representantes a 6 de outubro. Acompanhe toda a informação sobre as Eleições Legislativas.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.