Criado "novo espaço de divulgação" de artistas através da plataforma SHAIR

| País

A plataforma SHAIR, criada pela empresa bracarense dst, é um "novo espaço de divulgação" de talento artístico que permitirá a artistas de "todos os quadrantes" exporem as suas obras numa "galeria online" mas também "física e tradicional".

Disponível a partir de 5 de abril, o projeto SHAIR nasceu do "desafio" lançado pela empresa de construção bracarense aos trabalhadores do grupo para "encontrarem uma ideia de negócio" para dinamizar a Galeria Emergentes dst, segundo explicou à agência Lusa o presidente do conselho administrativo da construtora, José Teixeira.

O "conceito" da plataforma consiste na "oportunidade" dada a artistas de exporem as suas obras sujeitando-as à votação do público, e de um especialista convidado pela dst, sendo que as mais votadas serão, depois, expostas no espaço físico da Galeria Emergentes dst.

"Todos os meses as 70 obras mais votadas vêm fisicamente para a galeria e entram no processo de leilão eletrónico acessível a todo o mundo", explicou José Teixeira.

Desta forma, explanou, "é criada uma dinâmica e rotatividade no espaço da galeria dando oportunidade aos artistas de exporem os seus trabalhos".

As obras selecionadas ficam em exposição no espaço físico durante um mês para que sejam apreciadas e vendidas mas, caso não o sejam, "ficam em permanência na plataforma SHAIR continuando, desta forma, acessíveis ao público".

O preço base pelo qual a obra será leiloada é decidido pelo artista ficando o SHAIR com 30 por cento do valor de venda da peça.

"O SHAIR é assim uma alternativa às galerias tradicionais que só fazem 2 ou 3 exposições por ano, só com determinados artistas ou correntes. Temos um leque muito mais aberto e possibilitamos de forma muito mais próxima e competente a internacionalização dos artistas", referiu o responsável.

O SHAIR estará disponível, depois do dia 05 de abril, altura em que será publicamente apresentado, no endereço www.shairproject.com.

Lusa/Fim

Tópicos:

Galeria Emergentes, SHAIR,

A informação mais vista

+ Em Foco

A ONU alerta para um ano de grande instabilidade e de necessidades maiores por parte da população civil.

Os dias estão mais quentes e não é por causa do advento da primavera. A razão está identificada - as alterações climáticas fazem-se sentir em todo o planeta e as consequências espelham-se em fenómenos extremos.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.