Decisões de Portas e Cristas beneficiaram Mota-Engil

| País
Decisões de Portas e Cristas beneficiaram Mota-Engil

A ver: Decisões de Portas e Cristas beneficiaram Mota-Engil

Paulo Portas e Assunção Cristas participaram activamente, enquanto governantes, em decisões que beneficiaram o grupo Mota-Engil. O grupo para onde foi agora trabalhar o ex-presidente do CDS.

A equipa do programa Sexta às 9 investigou o processo da polémica construção da barragem de Foz-Tua.

Uma obra de mais de 300 milhões de euros, cujo consórcio construtor é liderado pela Mota-Engil.

As intervenções dos então dirigentes centristas garantiram que a obra fosse mesmo até ao fim. A albufeira começou a encher esta semana.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em entrevista à Antena 1, o Presidente da República diz que o crescimento da economia é o que mais o preocupa agora.

A RTP agrupa as sondagens disponíveis e traça as tendências do eleitorado para a derradeira votação da eleição presidencial francesa.

    Francisco será o quarto papa a visitar Fátima, a 12 e 13 de maio. Um visita marcada também pela canonização dos pastorinhos Jacinta e Francisco, no centenário das "aparições" na Cova da Iria.

      A Associação Adeptos dos Sonhos canalizava 90% do dinheiro recolhido em ações de caridade para uma empresa do namorado da presidente.