Rixa com tiros em bar que sucedeu ao malogrado "Meia Culpa"

| País

Três homens encapuzados e empunhando armas de fogo assaltaram, na madrugada de domingo, um bar nocturno em Amarante, de onde levaram a caixa com a totalidade da receita, disse hoje à Lusa fonte da GNR.

Segundo a fonte, o assalto ocorreu na noite de sábado para domingo, pelas 04:50, na freguesia da Lomba, no concelho de Amarante.

O registo policial indica que três indivíduos do sexo masculino, armados com duas pistolas e uma caçadeira, entraram pela porta de emergência do bar e ameaçaram o proprietário.

O comerciante foi obrigado, sob a ameaça das armas, a entregar o apuro do dia, cerca de 1.400 euros em dinheiro, segundo a fonte policial.

Por se tratar de assalto com armas de fogo, as investigações passaram para a alçada da Polícia Judiciária (PJ) do Porto.

Foi o segundo incidente na noite de Amarante, em apenas dois dias.

Na madrugada anterior, registou-se uma rixa a tiro entre frequentadores do bar Bronze, antigo Meia Culpa.

Este bar ficou tristemente célebre por ter ali ocorrido, fez 10 anos em 16 de Abril, o crime mais sangrento em casas da noite em Portugal, com um saldo de 13 mortos.

Segundo disse hoje à Lusa fonte dos bombeiros, dois homens foram transportados para o hospital de Amarante, um deles com três tiros, embora os ferimentos não sejam muito graves.

Clientes habituais do bar começaram uma discussão no interior e dois deles acabaram por se agredir a tiro, já no exterior do estabelecimento.

A investigação de mais este caso está a cargo da PJ do Porto.


A informação mais vista

+ Em Foco

As famílias já pediram o repatriamento, mas o MNE diz que ainda não tem uma solução.

Esta peculiar nebulosa de refleção encontra-se na constelação de Orion.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.