Cérebro perde qualidades a partir dos 37 anos

por RTP

José António Fonseca

Um estudo conclui que o auge das capacidades cognitivas é aos 22 anos. Aos 37 o cérebro começa a perder qualidades. Em especial a parte da memória. O estudo revela ainda que os neurónios continuam a formar-se mesmo depois do nascimento.