Programas tv

Lusitana Paixão

Lusitana Paixão

Géneros

  • Telenovelas

Informação Adicional

Uma novela surpreendente sobre um amor condenado à tragédia

Eça de Queirós foi a inspiração de Francisco Moita Flores para constituir a história de uma novela que tem como pano de fundo o retrato de Portugal no século XXI.
E porque sempre que se fala da obra de Eça, fala-se de romance, o amor é a pedra de toque de todo o desenrolar da "Lusitana Paixão".
?Amar é sofrer...? já alguém dizia... mas e se dois corpos que se amam profundamente descobrem que não podem ficar juntos?
Tudo começa, quando Carlos Lencastre recém formado em Medicina, culto, charmoso, apaixonado pela vida e por mulheres bonitas regressa a Lisboa para viver com o avô no Ramalhete, mansão de família há já muito tempo fechada. Afonso é o guardião dos segredos dos Lencastre e o seu objetivo é descobrir a neta, que ele nunca conheceu.
Carlos deixa-se mover pelo gosto da conquista e não perde tempo para se envolver com Teresa Estrela D`Alva, esposa do deputado Alexandrino.
Todavia, ainda não será esta a mulher da sua vida...
João Moniz, amigo íntimo de Carlos, encarna a figura de boémio, excêntrico e revolucionário e ocupa um papel de grande relevo no desenrolar da intriga.
Os maus da fita também existem semeando mentira, inveja e discórdia nas questões mais diversas.
Assuntos religiosos, políticos, negócios obscuros, jornalismo, solidariedade...
Personagens contraditórias e histórias secundárias irão enriquecer esta intriga que trata com delicadeza e fragilidade, a grandeza das paixões...

Intérpretes: João Lagarto, Fernanda Lapa, Gonçalo Waddington, João Baptista, Filomena Gonçalves, Albano Jerónimo, Mário Jacques, Teresa Negrão, Rita Lello,João d¿Ávila, Sara Norte, Fernando Gomes, Márcia Breia, Carla Chambel, Alexandre Pinto, Henrique Mendes, João Didelet, Carla Maciel, Luís Lucas, Isabel Medina, Carlos Mendes, Manuel Wiborg, Flávio Galvão e Sandra Faleiro.

Ficha Técnica

Título Original
Lusitana Paixão
Realização
Jorge Paixão da Costa e André Cerqueira
Produção
Edipim / Fo&Co
Autoria
Francisco Moita Flores
Ano
2002