"Mornas ao Piano"

| Cultura
Mornas ao Piano

A ver: "Mornas ao Piano"

"Mornas ao Piano" é o disco que nos traz de volta Tété Alhinho. A artísta cabo verdiana vai apresentar o seu novo trabalho no próximo dia 13 de maio, em Lisboa, no B.Leza. "São Batuques, Mornas e Coladeiras acompanhados ao piano, que é um instrumento tradicional na música de S. Vicente, do Mindelo, de onde eu venho", explica no Jornal 2 a cantora.

O novo single, "Lua Bonita" está nomeado para "Melhor Morna" nos Cabo Verde Music Awards, os Prémios que elegem o melhor que se faz pelas Ilhas de Morabeza. O Videoclipe do tema foi esta terça-feira estreado no Jornal 2.

"Além de mornas, que são maioritárias, este CD tem um batuque de Mário Lúcio, uma coladera e uma mazurca, além de temas compostos por mim", explica Teté Alhinho, que resgatou mornas de Daniel Mariano, Paulinho Vieira, Jacinto Estrela e B.Leza.

Teté Alhinho assina a composição de Muchacho Loco, da poetisa cubana Carilda Oliver Labra, e de dois poemas de Mário Lúcio, N'tem um amor e P'Alta, este último uma homenagem à mãe da artista.

Alhinho assina ainda a letra e música de Lua bonita e, entre os inéditos há um com letra de Hélio Cruz e música de Antero Simas.

O último trabalho de longa duração, a solo, da cantora ("Voz") era já de 2004.

Misturando originais e clássicos do repertório cabo-verdiano, o novo disco é apresentado no dia quinta-feira no B.Leza, em Lisboa, às 22h, com Moisés Ramos (piano), Carlos Barreto (contrabaixo), Yuri Daniel (percussões) e Paló (cavaquinho e viola).

A informação mais vista

+ Em Foco

Raptos e assassínios de opositores em países estrangeiros, levados a cabo pelos serviços secretos, têm um longo historial.

Logo após a recuperação das armas roubadas, o ex-chefe do Estado-Maior do Exército proibiu a PJ de entrar na base de Santa Margarida.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em novos conteúdos de serviço público que podem ser seguidos na página RTP Europa.

      Um terramoto de magnitude 7,5 e um tsunami varreram a ilha de Celebes, causando a morte de pelo menos duas mil pessoas. A dimensão da catástrofe é detalhada nesta infografia.