Prince: o príncipe do Funk como nunca o viu

| Cultura

|

Prince: As Never Seen Before é a nova exposição de fotografias inéditas daquele que é considerado o príncipe do estilo Funk. “I Wanna Be Your Lover” e “Sexuality” são alguns dos maiores êxitos do cantor. A exibição decorrerá até dia 2 de novembro, no ArrábidaShopping, em Vila Nova de Gaia. A entrada é gratuita.

Três anos após a morte do icónico cantor, Steve Parker – fotógrafo e diretor de arte do Prince durante 13 anos – revela 50 imagens inéditas, numa exposição em Vila Nova de Gaia, que decorrerá até dia 2 de novembro.

Tal como Prince, também a exposição será marcante, asseguram Cristina Carrillo de Albornoz Fisac e Ana Moura, responsáveis pela curadoria, em entrevista ao jornal Público.

Além das fotografias, o público poderá contar com momentos musicais, histórias, filmes e ainda algumas surpresas elaboradas pela fadista.

A ideia de celebrar esta lenda da história da música surgiu de uma experiência idêntica anterior em honra de David Bowie, que morreu quatro meses antes de Prince.

Marcante pela voz, surpreendente pela imagem rebelde, Prince será sempre considerado pelo público um dos mais influentes músicos de todos os tempos.

Nesta quinta-feira, dia 12 de setembro, a complementar a exposição, Steve Parker apresentará o livro Picturing Prince: An Intimate Portrait, às 19h30. A seguir a este momento, às 21h00, o palco será ocupado pela apresentação da fadista Ana Moura, num registo de conversa cantada com Álvaro Costa. Por fim, será ainda exibido o filme Purple Rain.

A entrada é gratuita durante todos os dias da exposição. Os horários são das 9h00 às 23h00 de segunda a quinta e domingo; e das 9h00 à meia noite às sextas e sábados.

Tópicos:

exposição, fotografias, Prince,

A informação mais vista

+ Em Foco

Uma sondagem da Universidade Católica aponta para o fim da hegemonia laranja na Madeira, apesar da vitória do PSD nas regionais (38%) do próximo domingo.

Na semana em que se assinala o início da II Guerra Mundial, a RTP conta histórias de portugueses envolvidos diretamente no conflito.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.