Donos do Tivoli notificam Concorrência da compra dos hotéis NH

| Economia

O grupo tailandês Minor International (MINT), proprietário da Tivoli Hotels and Resorts, notificou a Autoridade da Concorrência (AdC) da compra do controlo da rede espanhola NH Hotel, revela um aviso daquela autoridade.

A operação de concentração, notificada à AdC na passada sexta-feira, consiste na aquisição pela Minor International Public Company Limited (MINT), através da sua subsidiária MHG Continental Holding (Singapore), do controlo exclusivo da NH Hotel Group (NH).

A MINT, empresa mãe do Grupo Minor, detém em Portugal 13 hotéis e pretende o controlo exclusivo sobre o grupo NH Hotel, operador em Portugal de 3 hotéis.

Há cerca de um mês, a 23 de maio, em comunicado divulgado, o Minor International anunciou a compra de 8,6% do capital do grupo hoteleiro NH por 192 milhões de euros.

Com esta aquisição, o Minor fica detentor de 9,7% do capital do NH, que diz ser a "sexta maior cadeia de hotéis do mundo".

Nesse documento, o Minor sublinhou "não esperar mudanças de gestão" no NH devido a este investimento, apesar de afirmar que está consciente "de que certas participações chave" do grupo hoteleiro "podem mudar de proprietários a curto prazo".

O Minor "tem confiança" nos negócios do NH e "está entusiasmado para trabalhar com a equipa gestora e com outros acionistas na empresa para garantir a entrega de receitas sólidas e sustentáveis aos acionistas".

O grupo hoteleiro NH, com uma carteira de 382 hotéis e 'resorts' em 30 países na Europa, América e África, foi fundado em 1978.

O Minor International, uma das maiores empresas de restauração da Ásia, é uma companhia global focada em três unidades de negócios principais, restauração, hotéis e distribuição de marcas de 'lifestyle'.

Tópicos:

Minor, NH Group NH, Tivoli Hotels,

A informação mais vista

+ Em Foco

Raptos e assassínios de opositores em países estrangeiros, levados a cabo pelos serviços secretos, têm um longo historial.

Logo após a recuperação das armas roubadas, o ex-chefe do Estado-Maior do Exército proibiu a PJ de entrar na base de Santa Margarida.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em novos conteúdos de serviço público que podem ser seguidos na página RTP Europa.

      Um terramoto de magnitude 7,5 e um tsunami varreram a ilha de Celebes, causando a morte de pelo menos duas mil pessoas. A dimensão da catástrofe é detalhada nesta infografia.