Marcas portuguesas apostam em sapatos vegan ou alternativos ao couro

por RTP

Há cada vez mais empresas de calçado portuguesas a apostar em matérias primas não animais.

As exportações de produtos de materiais alternativos ao couro chegaram, no ano passado aos 300 milhões de euros.

A associação de produtores da indústria do calçado tem no terreno mais de 30 especialistas a avaliar de que forma pode o setor ser mais sustentável.

O desafio é transversal à maioria das empresas que participam este ano na feira do calçado, em Milão.