Última Hora
Euro2024. Bélgica precisa de pontuar frente à Roménia. Acompanhe este jogo ao minuto

ONG portuguesa realiza Feira das Sementes para que população tenha acesso produtos agrícolas

por © 2007 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.

A organização não governamental portuguesa VIDA realiza no final de Setembro, numa das zonas mais afectadas pela seca em Moçambique, a Feira das Sementes, iniciativa que deverá permitir que 1.600 pessoas tenham acesso a produtos agrícolas.

A Feira das Sementes vai ter lugar a 27 de Setembro em Madjuva, distrito de Matutuine, sul de Moçambique, onde apenas 10 por cento dos agricultores tem produção agrícola para os próximos dois meses, segundo a presidente da VIDA (Voluntariado Internacional para o Desenvolvimento Africano).

Maria da Luz Vasconcelos e Sousa disse à Agência Lusa que as famílias vão ter oportunidade de adquirir na feira os meios necessários para a próxima campanha agrícola, que começa no início de Outubro.

A ONG portuguesa convidou vendedores moçambicanos para estarem presentes na feira, local onde não circula dinheiro, pois os agricultores quando chegam ao mercado inscrevem-se e adquirem senhas que vão servir para pagar os produtos, explicou a responsável.

No final da feira, os vendedores mostram as senhas e a ONG paga o valor dos produtos.

Além da Feira das Sementes, que a VIDA organiza pela segunda vez em Madjuva, a ONG portuguesa realiza, há seis meses, uma feira mensal que permite à população local ter acesso aos alimentos essenciais.

Presente em Moçambique desde 1992, a VIDA trabalha essencialmente no distrito de Matutuine nas áreas da educação, desenvolvimento comunitário, habitação e agricultura.

A VIDA é uma ONG que tem como missão promover o desenvolvimento humano sustentado, ajudando pessoas e comunidades a desenvolver as suas capacidades e o potencial da terra onde vivem.

A ONG portuguesa está ainda presente na Guiné-Bissau desde 1998 com projectos na área da saúde.

pub