Ministério da Saúde do Hamas anuncia novo número de mortos: 17.487

por RTP

O Ministério da Saúde do Hamas anunciou esta sexta-feira que os bombardeamentos israelitas na Faixa de Gaza já mataram 17.487 pessoas desde o início da guerra, a 7 de outubro. Deste total, 70% serão mulheres, crianças e jovens com menos de 18 anos.

O ministério fala ainda em dezenas de milhares de feridos, muitos dos quais não podem ser tratados devido à falta de recursos, de profissionais de saúde e de espaço em hospitais sobrelotados.

"Perdemos dezenas de feridos todos os dias devido à falta dos cuidados necessários", declarou o porta-voz Ashraf al-Qidreh, apelando a que seja dado tempo e segurança para retirar os feridos graves de Gaza.

pub