Carro abalroou multidão em Nova Iorque

| Mundo

|

Um carro entrou esta quinta-feira por um passeio de Times Square e atropelou várias pessoas. O último balanço aponta para um morto e 22 feridos. As autoridades descartam, para já, a possibilidade de se tratar de uma ação terrorista.

A polícia fechou a área em torno de Times Square.


Uma testemunha que falou com a agência Reuters, pouco depois de a notícia ser conhecida, disse ter visto pelo menos dez pessoas deitadas no chão e a serem tratadas pelas equipas médicas.

A cadeia de televisão CBS adianta que o condutor foi "removido" do veículo, um sedan vermelho.

Outras testemunhas que descreveram a cena aos repórteres da Reuters dizem que o carro circulava em contramão até ter entrado pelos passeios e atingido os transeuntes. Imobilizou-se na 45th Street com a Broadway.



Entretanto, a polícia deverá fechar o caso como um incidente de trânsito, descartando a possibilidade de se tratar de um ato terrorista.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em entrevista à RTP, o candidato derrotado nas diretas do PSD diz que o partido deve serenar após o Congresso e admite que vai ser “muito difícil ganhar eleições" no quadro atual.

Nicolás Maduro quer alargar poderes e, para tal, leva a cabo eleições antecipadas. É um "golpe constitucional", na leitura de Filipe Vasconcelos Romão, comentador da Antena 1.

Abrir uma torneira e vê-la jorrar água. É um ato tão comum que nunca imaginamos um dia em que tal quadro possa desaparecer. Algo que está prestes a tornar-se realidade na África do Sul.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.