Discriminação das mulheres prejudica a economia

| Mundo
Discriminação das mulheres prejudica a economia

Esta é a conclusão de um estudo apresentado esta quarta feira, no Dia Internacional da Mulher.

O Produto Interno Bruto (PIB) da União Europeia (UE) pode crescer quase 10% nas próximas décadas, se forem registados avanços nesta área.

Se forem dadas mais oportunidades às mulheres, serão também criados mais de 10 milhões de novos empregos.

O estudo é do Instituto Europeu para a Igualdade de Género, que é revelado em Bruxelas, como nos conta a correspondente da Antena 1, Andrea Neves.

A informação mais vista

+ Em Foco

Foram mais de três horas de debate a cinco mas sem grandes novidades. Le Pen defendeu o fim da imigração. Macron foi atacado pelas ligações à banca.

Onde reside "o verdadeiro problema estrutural" da UE? O comentador da RTP Filipe Vasconcelos Romão situa-o na "incapacidade" do projeto europeu para estabeler laços com os cidadãos.

Estarão os nossos equipamentos comprometidos? O especialista em cibersegurança Pedro Queirós alerta para um problema "assustador".

    Em São Bento, uma fotografia denuncia a localização da Fundação Mário Soares, uma instituição de utilidade pública, cujo futuro está ainda a ser pensado.