Ex-Presidente do Governo regional catalão, exilado na Bélgica, diz que sentenças são um ato de vingança

por RTP

Carles Puigdemont diz que a condenação dos nove independentistas da Catalunha foi uma vingança do Governo espanhol.