Hong Kong. Milhares de manifestantes querem demissão da chefe de Governo

por Antena 1

Foto: Tyrone Siu - Reuters

Centenas de milhares de manifestantes enchem as ruas de Hong Kong em protesto. Na terceira grande manifestação da última semana, os milhares de pessoas apelam à demissão da chefe de Governo e em defesa da liberdade de expressão.

Em Hong Kong, milhares de pessoas voltam a manifestar-se nas ruas da cidade, um dia depois do Governo anunciar que ia recuar quanto à extradição de presos para a China Continental.

É um protesto também em nome da Liberdade de Expressão, dizem os organizadores, uma vez que os manifestantes temem uma possível detenção em massa sob a acusação de participação num motim – crime que pode ser punido com uma pena de até dez nos de prisão.

Vários responsáveis pelos protestos organizados disseram, numa conferência de imprensa, que receiam que as autoridades imponham o “terror” das detenções.

Nos confrontos da passada quarta-feira, durante um protesto, foram detidas 11 pessoas sob a acusação de crimes como o de participação num motim.