Irão. Imolou-se pelo fogo adepta condenada por tentar entrar num estádio

| Mundo
Irão. Imolou-se pelo fogo adepta condenada por tentar entrar num estádio

A ver: Irão. Imolou-se pelo fogo adepta condenada por tentar entrar num estádio

A mulher iraniana que foi condenada a pena de prisão por ter assistido a um jogo de futebol morreu depois de se imolar à porta do tribunal. Sahar Khodayari, conhecida como "a rapariga azul", era adepta do Esteghlal de Teerão.

Imolou-se à porta do tribunal na capital iraniana, em protesto por ter sido condenada a um ano de cadeia.

A sua condição de mulher não lhe permitia entrar num estádio de futebol para ver o último jogo do seu clube no campeonato.

Ainda esteve internada no hospital de Teerão mas não resistiu às queimaduras e acabou por morrer.

A informação mais vista

+ Em Foco

Na semana em que se assinala o início da II Guerra Mundial, a RTP conta histórias de portugueses envolvidos diretamente no conflito.

    Entrevista Olhar o Mundo a um dos autores e investigadores militares mais reconhecidos do mundo anglo-saxónico.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.