Macron tenta chegar aos que ganham menos e aos reformados

| Mundo
Macron tenta chegar aos que ganham menos e aos reformados

Foto: Reuters

O presidente francês responde aos protestos declarando o estado de emergência económica e social. Emmanuel Macron falou esta noite ao país depois de longos dias de silêncio.

Macron referiu que ainda não foi possível dar resposta às reivindicações, mas acrescentou que são velhas reivindicações. Não são reivindicações que tenham nascido durante a presidência de Macron.

Entre as medidas que envolvem melhor retribuição do trabalho, Emmanuel Macron anunciou uma redução de impostos.

Estas medidas foram anunciadas depois de o presidente francês ter mantido reuniões com os parceiros sociais e depois de vários dias de protestos violentos um pouco por toda a França.

Macron tentou chegar aos que ganham menos e aos reformados, como nos explica o jornalista Mário Rui Cardoso.

A informação mais vista

+ Em Foco

Francisco Veloso, reitor da Imperial College Business School, traça os cenários possíveis após a rejeição do acordo.

O presidente da Câmara dos Comuns é, digamos assim, o equivalente ao presidente da Assembleia da República em Portugal.

Neste Manual do Brexit, explicamos em 12 pontos o que está em causa e os cenários que se colocam.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.